Ludmilla é apresentada a agentes nos EUA e decide que cantará em português

Os últimos três dias de Ludmilla foram de muitas reuniões em Los Angeles, nos Estados Unidos. Ela foi apresentada a três empresários e mostrou projetos que foram considerados viáveis e alguns até já estão aprovados. A funkeira encontrou-se inicialmente com Scooter Braun, da SB Projects. Ele gerencia a carreira de nomes como Justin Bieber e Ariana Grande.Lud passou ainda pela gravadora Roc Nation, que pertence a Jay Z, e, por fim, se reuniu na agência CAA, a Creative Artists Agency, que pertence à cantora Beyoncé. Ela conversou com um agente da popstar, mas o nome do profissional não foi revelado.

O maior receio de Ludmilla, o de não falar inglês, foi minimizado pelos agentes. Eles citaram o sucesso do K-Pop, movimento musical oriundo da Coreia do Sul, que encontrou excelente mercado nos Estados Unidos. O que ficou definido é que Ludmilla cantará, sim, em português.A cantora saiu das reuniões entusiasmada e cheia de projetos a serem desenvolvidos. O que mais a impressionou nos encontros foi a receptividade à sua música e ao seu talento absolutamente genuíno.